Burnout em vendas é real. Esses são os principais sinais e o que fazer com eles.

Burnout Vendas

Esse artigo foi publicado originalmente aqui

Vendas é um trabalho hiper-social, voltado para o cliente, que pode ser altamente estressante. Neste artigo, falamos sobre os principais indicadores de burnout em vendas e como lidar com eles.

Todos nós sabemos que a venda é o trabalho para a pessoa do povo – o ocupado, sempre em movimento, que está ao telefone, em reuniões e/ou fechando negócios. O mesmo vale para o recrutamento – você está constantemente conversando com as pessoas, ajudando-as a encontrar sua próxima grande oportunidade.

Você vê, em vendas, sucesso e recrutamento compartilham o mesmo problema. Você tem uma meta para bater, um chefe para reportar, e se você não cumprir o objetivo, seu trabalho estará em risco. Em geral, você tem cerca de um mês de segurança no emprego a qualquer momento, e vendas e recrutamento costumam ser os primeiros a serem cortados.

Para citar o Dia na vida de um vendedor da Salesforce, as vendas são igualmente emocionantes, recompensadoras, estressantes e solitárias, uma indústria construída por pessoas que levantam cedo.

Quando você começa, muitas vezes fica com uma lista, um alvo e pouco mais para continuar. O resultado é que você é deixado para a sabedoria da multidão e o conselho de seus colegas de trabalho. Especialmente no início de sua carreira, há uma enorme montanha emocional e profissional para escalar.

Relacionado: Tocando no seu ponto bom com inteligência emocional em vendas

Visão geral do artigo:

  1. 6 Principais indicadores de burnout nas vendas
  2. Combater o burnout nas vendas – 6 maneiras comprovadas
  3. Recursos Anti-burnout
  4. Seu tempo é o seu Não desperdice

6 Principais indicadores de burnouts em vendas

1) Você está cansado, não importa o quanto durma

É fácil esquecer que não é preciso apenas esforço físico para cansar você. Estresse mental – especialmente quando você não tem a chance de relaxar verdadeiramente – pode durar até mesmo um sono regular.

2) Tudo parece mais difícil

Você está tendo problemas para fechar leads que costumava ser capaz de fazer sem pensar. Uma ligação de meia hora parece demorar uma eternidade. Você está exausto no meio do seu dia e até mesmo pequenas tarefas parecem um empreendimento dramático.

Relacionado: Os 3 maiores erros que os representantes de vendas fazem no telefone

3) Você não está comendo

O burnout coloca você em uma forma de “luta ou fuga”. Apesar do fato de seu corpo precisar desesperadamente de comida, ele está funcionando por instinto.

4) É difícil se concentrar

Você pode não perceber, mas está fisicamente e mentalmente esgotado. E assim, manter a tarefa e fazer tudo é muito, muito mais difícil.

5) Você tem um pavio curto

Não é só você explodir sobre pequenas coisas – tudo é irritante. Pequenas coisas que costumavam passar por você agora te irritam extremamente. Você está pronto para explodir a qualquer momento.

6) Você é muito menos otimista

Em um ambiente controlado por interrupções, você está gastando muito tempo tentando manter viva a esperança de que possa prospectar com sucesso e fechar os negócios. O estado de burnout cria um ciclo vicioso. Isso deixa você cansado, irritado e não acredita em si mesmo. Tudo isso leva a um desempenho de vendas ruim, deixando você cansado, irritado e sem esperança.

Então, o que fazer?

Você não pode simplesmente tirar um mês de folga para relaxar. Então, vou traçar uma abordagem para estruturar o seu dia para aliviar alguns desses estressores e manter longe o burnout no longo prazo.

1) Aproxime-se do seu trabalho com um plano de ataque (e pesquisa)

Nas funções focadas no cliente, seu único ponto focal no início pode ser uma grande lista e algumas poucas chamadas. O truque é definir um cronograma que você possa seguir e criar uma base confiável, com cada parte alimentando o outro.

Por exemplo, é ótimo (e eu percebo que isso é uma simplificação excessiva) começar o seu dia fazendo um plano de ação real e a pesquisa para respaldar o referido plano de ação pelo resto do dia. Isso significa que, uma vez que você começa sua divulgação/prospecção, você está armado com as coisas que você precisa, sem ter que interromper seu fluxo de trabalho.

Quando você está se sentindo mal com o seu trabalho, agora você tem uma estrutura a seguir que existe nos bons e maus momentos.

A estrutura também é crucial para quando você está se sentindo como se não tivesse feito o suficiente. Você pode apontar o seu dia e dizer “Ei, eu fiz isso” além das metas de vendas que você precisa seguir para o trabalho.

2) Construa um ritmo para o seu dia e tente não ser interrompido

Quando estiver planejando o seu calendário, tente construir seu fluxo de trabalho em torno das reuniões do dia.

Se você sabe que terá uma reunião de vendas às 13h, não faça uma demonstração às 14h. Além disso, se você sabe que vai dedicar horas específicas para atingir o público (como atingir clientes que estão na Costa Leste), certifique-se de liberar esse tempo para poder concentrar sua energia em uma tarefa específica.

Isso ajudará a salvar-se do fardo mental de tentar fazer três ou quatro coisas ao mesmo tempo.

3) Explore os fluxos de trabalho e os playbooks que correspondem ao seu estilo e experimente

Vendas e Sucesso do Cliente são trabalhos que exigem que você tire o proverbial coelho da cartola. Você tem que obter algo de quase nada e construir relações significativas, geradoras de receita, a partir de pesquisa e pura agressão.

Isso significa que provavelmente existem milhares de estratégias de vendas que você pode seguir, e encontrar o caminho certo é uma mistura de:

  • Ver o que funciona
  • Entender o que funciona para você
  • Medir ativamente o sucesso

A maioria das organizações define metas de outreach, mas ir mais afundo nas métricas adiciona um meta-jogo às vendas que gera competição com você mesmo. Não se resigne simplesmente a uma estratégia porque funciona para outra pessoa.

Leia os melhores métodos de prospecção (mesmo em livros, Millennials!) e avalie-se objetiva e numericamente.

4) Procure ativamente orientação (e auto-aperfeiçoamento)

Somos ensinados como uma sociedade que força é ser capaz de fazer as coisas sozinho, mas em vendas e sucesso isso não é verdade.

Grandes organizações criam uma cultura de orientação. Seus gerentes querem que você seja bem-sucedido, o que significa apoiá-los e buscar ativamente seus conhecimentos. Isso significa abrir-se a críticas (justas), que podem prejudicar, mas também impede você de se sentir exausto e sozinho quando as coisas não estão funcionando.

O estado de burnout em vendas pode vir mesmo quando você está indo bem, então mantenha um diálogo ativo com seus superiores durante os bons e maus momentos. Se você está se sentindo exausto, eles terão conselhos, e certamente também enfrentaram isso.

Mentores também podem ser uma fonte valiosa para ajudá-lo a se acalmar, redirecionar e trabalhar com simpatia quando você está verdadeiramente esgotado.

5) Encontre maneiras de melhorar sua produtividade e eficiência

Comentei sobre como compreender as métricas de seu próprio sucesso, e o objetivo final é melhorar sua produtividade de vendas e eficiência.

Dê um passo atrás no processo e faça a si mesmo as perguntas além das cotas:

  • O que é preciso para entrar na agenda de alguém?
  • Como me envolvo com o cliente X na indústria Y e o que é preciso para fazê-lo não apenas responder, mas continuar um diálogo?

Você pode descobrir que determinados setores não respondem a e-mails ou social selling, mas são rápidos em atender o telefone e aceitar um bate-papo. Há alguns que podem inteiramente querer falar por e-mail, mas obter respostas claras assim pode ser difícil.

Então, como você faz um telefonema mais fácil? Basta gastar menos tempo batendo sua cabeça.

Além disso, como em todos os trabalhos, existem tarefas manuais e processos que podem distraí-lo do seu objetivo. Faça uso das principais automação de vendas e das ferramentas para liberar seu tempo, por exemplo.

6) Finalmente, tenha autocompaixão

Esta é a parte mais importante da sua estratégia anti-burnout.

Se você está buscando uma carreira em vendas, vai enfrentar o fracasso e a rejeição quase todos os dias.

Esteja ciente de como isso pode afetá-lo. Entenda que isso dói e é uma droga, mas as rejeições fazem parte do trabalho.

Aprenda com eles e, se eles estão acontecendo muito, entenda os pontos em comum, mas não se odeie ou pense que você é ruim por consequência. Você é um ser humano e é isso que faz de você um ótimo trabalho.

Isso também significa ter a capacidade de perceber que você está esgotado e tomar as medidas necessárias. Um dia pessoal ou de férias definitivamente ajuda a desconectar.

Recursos Anti-Burnout

  • É clichê, mas a meditação (usando um aplicativo como o Headspace) é uma maneira eficiente de relaxar e liberar a si mesmo.
  • Eu também recomendo ler o máximo possível sobre o problema de estar ocupado em geral. Crazy Busy, de Kevin DeYoung, é um excelente livro sobre estar sobrecarregado e encontrar espaço para fazer, como ele diz, absolutamente nada.
  • Tim Ferris escreveu uma obra muito honesta sobre o burnout. Arianna Huffington também escreveu sobre como ela literalmente desmaiou de exaustão, e como isso a mudou para melhor.
  • Aconselhamento através de um conselheiro on-line como o Talkspace, ou em pessoa pode ser uma boa ideia também. As pessoas que procuram aconselhamento não são loucas! Na verdade, eles estão tomando a decisão incrivelmente inteligente de conversar com um profissional sobre seu cérebro, uma maneira de melhorar sua saúde e felicidade a longo prazo.
  • Exercício e mais sono são óbvios, mas o que não é tão óbvio é a capacidade de realmente desconectar-se do trabalho. É um grande conceito com começos simples – significa apenas estar preparado para desligar o seu telefone às 19:30 e não verificar o e-mail após uma hora razoável.

Seu tempo é seu tempo. Não o desperdice

O burnout em vendas é uma experiência poderosa, dolorosa e real, composta apenas por carreiras que nos obrigam a estar sempre com a bola.

Mantenha isso no trabalho – faça do trabalho uma experiência focada, organizada, excitante e energética em que você se dedica. Então aproveite seu tempo livre para relaxar e aproveitar sua vida. Seu trabalho é parte, mas não é você totalmente. Burnout vem para todos nós, e você pode certamente vencê-lo!

Baixe o nosso modelo de Playbook para Inside Sales

playbook

Resumo
Burnout em vendas é real. Esses são os principais sinais e o que fazer com eles.
Título do Post
Burnout em vendas é real. Esses são os principais sinais e o que fazer com eles.
Descrição
Vendas é um trabalho hiper-social, voltado para o cliente, que pode ser altamente estressante. Descubra como lidar e evitar burnout em vendas.
Autor

Você pode gostar também de...